30 junho 2008

FIM DE SEMANA DOLORIDO

Continuo a espantar-me com este país... com a forma com que tudo se encaixa, com a mentalidade dos portugueses e principalmente o tratamento de doentes!
Este fim de semana calhou o doente ser o meu pai... e quando toca aos mais próximos, somos ainda mais atingidos, de uma forma quase mortifera!
Depois de uma correria do SAP para o hospital, esteve o meu pai desde manha de sábado até ao final da noite, sentando numa cadeira agarrado á barriga. Nada lhe fizeram e ainda tiveram a coragem de o enviar de volta para casa sem saberem o que tinha e, carregadissimo de dores...

Vi gente amontada em corredores, idosos a entrarem quase á beira do colapso com o calor... e muitos até cederam á chamada do final de vida... :-(

Lidei com uma moça jovem que tinha, á bem pouco tempo perdido a mãe e, agora, numa questão de 3 meses, de volta ao suplicio, a perder a irmã com cancro nos pulmões... choros, gritos, desesperos... dor, seja ela fisica, sentimental, espiritual...
Pessoas esquecidas... outros á espera desde a noite do dia anterior e a não serem atendidas... de tudo um pouco!
A minha dor era mesmo sentimental pelo que ia á minha volta, que mais parecia um Campo de Guerra que um Hospital propriamente dito... e espiritual por ver o meu pai sofrer e não poder fazer NADA!
Cheguei mesmo a saber que existem "pessoas" que, com grande lata, deixam os seus "velhos" à sexta á noite no hospital, dando como desculpa que não se sentem bem, e depois dos os lá deixarem para serem "tratados" vão-se embora e só voltam ao domingo á noite para os ir buscar... Uma boa desculpa para sair no fim de semana sem se "preocuparem"... É preciso ter LATA!
De volta em casa no sábado á noite, lá passou ele mais uma noite aflitissimo sem conseguir fechar o olho.

De manha lá chama a minha mãe um médico a casa. A Sra. Doutora detectou algo que nem no hospital tentaram ver... APENDICITE!

Mais uma chamada à ambulância... e mais umas horas no corredor à espera. Só ao final no dia o conseguiram operar. Já era aguda e, mesmo assim, deixaram-no sofrer, podendo ele ir abaixo...

É deploravel e anti-humano!
Finalmente lá fiquei feliz, alegre e BEM aliviada e de o ver (apenas) ás 23h a sorrir, feliz de terem parado as dores e de, FINALMENTE, poder dormir!!!

E foi mais um fim de semana de aperto, aflição mas, acima de tudo, INDIGNAÇÃO, por ver a forma como este nosso dito país funciona!

28 junho 2008

CINEMA

Depois de há não sei quanto tempo, lá consegui fazer algo que gosto imenso: ir ao cinema!
Tinha prometido à minha filhota sair com ela e foi o que fizemos:
Jantámos as duas e lá fomos ver um Filme!

Escolha: SEXO E A CIDADE!

Muito mas, muito muito bom mesmo! Um MUST SEE!

Tirando o supérfluo que é a questão das marcas e modas, o principal do filme, para mim foi:
- Love - a Sua procura, encontro, perda e novo encontro!

- Amizade - Aquela incondicional que "amigas" podem ter!

- Comunicação - A forma que se pode ter de perder ou ganhar na forma do COMO se comunica.

Isto tudo no meio da comédia, tristezas e taradisses, que 4 mulheres podem fazer.

Sou fã numero um da Samantha!
Adorei passar o meu final de dia com a minha filhota... LOVE U***

27 junho 2008

FÉRIAS...



Já começou...
A ansiedade...o medo... a tristeza...
Mais um mês se vai passar sem os meus filhos...
Lá longe...
Espero, do fundo do coração que sejam bem tratados...
AMO-OS MUITO***

20 junho 2008

REVERSO DA MOEDA

O Nacionalismo virou doença...

Fala-se... Falava-se do Euro 2008 e da loucura sobre a possibilidade Portugal vencer.

Terminou... e graças a Deus que assim foi!

A maior parte do "povo" não vê o que acontece por trás... o antes e o depois.

"... No Porto, dois adeptos foram esfaqueados e um atropelado.No Porto, dois adeptos foram esfaqueados e um atropelado...." - Ver a noticia completa
É uma loucura... e estou feliz que tenha terminado... imaginem se tivessemos ganho?!

19 junho 2008

FELICIDADE


Olho através dos teus olhos e vejo o amor, vejo o futuro que ambos sonhamos e o presente que conquistamos.

Olho através dos teus olhos e revejo o dia em que para sempre unimos os nossos corações... e sorrio... na certeza de ser feliz ao teu lado...

17 junho 2008

11 junho 2008

PAZ

Sinto um pequeno pesar... pena... tristeza por ver pessoas que ao NÃO conseguirem ser felizes, tentam fazer da vida dos outros um inferno.

É muito infeliz ver uma pessoa desistir da felicidade e, dando-se conta de que não era bem essa a escolha que queria fazer, e não a conseguindo remediar, transforma essa dor em GUERRA.

Guerra essa desnecessária... pena de quem vive esse desespero de adulto a ser transformado na energia errada... pois quem sofre mais são eles, não nós!

Mas de uma coisa é certa... não existe mau estar!
Existe cada vez mais amor e união...

E "essas" pessoas um dia terão PAZ... seja ela de que forma for!

A elas desejo AMOR!

DESEJO-TE PAZ!

04 junho 2008

DIA DA CRIANÇA





Porque não há prenda melhor que se possa dar uma criança do que CONHECIMENTO, AMOR e BOA DISPOSIÇÂO, foi isso que lhes oferecemos.

O dia começou em Torres Novas e um piquenique perto de Mira D'Aires.
Visitamos as Grutas, que são simplesmente de tirar o folego,e ainda se conseguiu uns cristais oferecidos por uma senhora de idade muito querida.
Com ainda tempo, decidimos vistar Fátima, esse local com tanta energia espiritual.
Tempo de lanchar e de caminho visitar os nossos amigos de Torres Novas: JP e M.
Um jantar fabuloso de onde o meu filhote acabou por fazer um amigo: um rasteirinho tarado que só queria correr e brincar... tudo o que uma criança precisa!
Um final de dia fantástico!

Um dia completamente inesquecível!

SOMOS UM... UMA FAMILIA



Porque é nesta familia que me identifico, que me sinto alguém...
Porque os amo muito!