13 maio 2015

VITÓRIA

Há tempos atrás decidi mudar muita coisa na minha vida e uma dessas mudanças foi o meu comportamento em relação a muita gente, a minha forma de tratar, de falar e até de sorrir. Decidi não me ocupar tanto com a maldade alheia e a levar mais a sério os meus sonhos, os meus objectivos, os meus planos, porque Deus nos permite isso. Ele deixa-nos sonhar, Ele deixa-nos traçar planos e, se for pela vontade d'Ele, tudo se concretiza, tudo se realiza.
 
Afastei-me do que me fazia mal, ignorei o que me fazia recuar nas minhas decisões, distanciei-me de amizades interesseiras, e até mesmo de familiares sufocantes, rejeitei certos elogios irónicos de quem nem sequer torcia por mim e segui em frente, acreditando que forças maiores estavam comigo em qualquer circunstância.
 
Há certas situações que nos acontecem às vezes, que realmente nos tiram o chão. Mas, nem tudo é para nos deitar abaixo, nem tudo é para nos anular ou destruir, há coisas também que são para nos fazer mudar, crescer, nos ensinar a olhar a vida de uma forma mais ampla, mais aberta, com mais maturidade, a não esperar tanto dos outros, nem tampouco responsabilizá-los pela nossa felicidade. E é ai que entra aquela frase que diz: "Se não consegues mudar o mundo, então muda-te a ti mesmo!"
 
E a conclusão a que chego é que as pessoas não mudam por nós, nem todas reconhecem os nossos erros, as nossas imperfeições e eu não sou do tipo de pessoa que vai fazê-las pensar diferente. Mas eu posso ser diferente neste mundo que nem todos sabem o que é amar, valorizar e RESPEITAR o espaço, a vida e o nosso coração.



A ISSO CHAMO UMA GRANDE VITÓRIA!

4 comentários:

Timtim Tim disse...

Já há uns tempos que comecei a fazer o mesmo que tu. Subscrevo totalmente o teu entendimento.

Ana Doria-Quesada disse...

Paula,
Muito bem escrito e muito bem dito. Eu estou sempre not teu lado seja o que for que fizeres porque sei que sera sempre o teu modo de viver a vida com honestidade. Parabéns.
Beijinhos da tia.
Ana

marina maia disse...

Estou Contigo!!!
Beijinhos

Fê blue bird disse...

Minha querida e doce amiga, a tudo isto se chama CRESCER !

Estou contigo!

Um grande beijinho