17 janeiro 2013

UMA VERDADE A MEU RESPEITO #17

Eu sou de todas as cores, de todos os sons, de todas as dores, de todos os tons...
Sou água, terra, fogo e ar...
Sou a inércia e o caminhar...
Sou brisa, sou tempestade...
Sou mentira, sou verdade...
Sou lua minguante, sou lua cheia...
Sou pegadas na areia...
Sou a rosa e o espinho...
Sou afecto e sou carinho...
Sou sol, sou maresia...
Sou barulho, sou melodia...
Sou razão, sou sentimento...
Sou a eternidade e o momento...
Sou matéria, sou espírito...
Sou a doença e o antídoto...
Sou séria, sou anarquista...
Sou menina, sou mulher...
Sou o que me der na telha...
Sou o que quiserem...
Só não sou imutável, nem uma tediosa mesmice...
Eu não sou MAIS eu... Eu sou apenas EU...
E mesmo assim, imperfeita, já me dou por satisfeita...

14 comentários:

Benedita disse...

Gosto de ti. Muito!
Beijinhos

Tanita disse...

Assino em baixo da Benedita.
Bj**

Angela Costa disse...

Eu tb assino por baisxo de vcs duas !!
Beijinho grande linda :)

A Minha Essência disse...

És tu na tua essência. És tu com todas as particularidades que te caracterizam esse ser único!

Sinto que és uma boa pessoa. Não sei porque tenho essa sensação, mas sinto-o!

Beijocas :)

Anita disse...

ha miminho para ti la no estaminé.
bj

Cristinix disse...

Eh lah, temos poetisa? Gostei!
Beijinho.

Paula Nogueira Guerra disse...

E eu de ti minha doce Benedita ღ

Paula Nogueira Guerra disse...

Obrigada minha linda Taninha ღ

Paula Nogueira Guerra disse...

Vocês são todas umas doces!
Um beijinho carinhoso Ângela ღ

Paula Nogueira Guerra disse...

Impossivel esconder o que o coração sente.
Eu tb gosto muito ti querida Essência ღ

Paula Nogueira Guerra disse...

Que querida Anita... vou já lá buscar!

Beijo docinho ღ

Paula Nogueira Guerra disse...

Volta sempre querida Cristinix ღ

marina disse...

Que belo texto!
Adorei!!!!

Paula Nogueira Guerra disse...

Beijoca docinha Marina xxxx